quinta-feira, 26 de julho de 2012

relish de pepino


Uma das coisas que o blog e a prática de cozinhar me trouxeram foi ficar mais muquirana para comprar/pedir comida pronta. Este relish é um ótimo exemplo: tempos atrás comprei um potinho dele pronto, vinha bem pouco, era bom e custava uns dez reais; marido e eu achamos uma delícia, mas nunca mais tive coragem de comprar o potinho novamente. Resolvi que faria em casa, teríamos relish até enjoar e gasto, sei lá, chutando alto, cinco reais. Usando o processador, fica tudo fatiado rapidamente e todo o processo é muito simples. A receita peguei numa daquelas revistas da Nestlé e modifiquei um pouco.

2 pepinos médios (usei caipira)
1 pimentão vermelho (pequeno)
1 pimentão amarelo (pequeno)
1 cebola média
2 xícaras água gelada
¾ xícara açúcar
½ xícara vinagre de vinho branco
1 ½ colher (sopa) sal
1 ½ colher (chá) grão de mostarda
½ colher (chá) cúrcuma

Fatie finamente o pepino (não é necessário descascar), pimentões e cebola. Coloque numa tigela e cubra com a água gelada, acrescente o sal. Leve à geladeira por 1 hora, ou mais. Numa panela grande coloque o açúcar, vinagre, mostarda e cúrcuma, misture e adicione os legumes sem a água. Coloque em fogo baixo e cozinhe por uns 5min, não deixe ferver, quando começar os primeiros borbulhos, desligue o fogo. Deixe esfriar e guarde na geladeira. Se preferir, guarde em potes esterelizados.

segunda-feira, 23 de julho de 2012

honey beescotti


Achei tão bonitinho o título original que resolvi mantê-lo. É biscotti, vai mel, laranja cristalizada e alcaravia. Foi essa combinação de ingredientes que me deixou muito curiosa para preparar e receita. Percebi que ultimamente minha escolha de receitas é movida mais pela curiosidade que pela gula, isso deve ser bom, eu acho. Para a casca de laranja cristalizada você pode comprar pronta e nem é tão boa ou pode fazer quase de graça, com aquelas cascas que iriam para o lixo. Eu preparo usando a ótima receita do Pecado da Gula, é bem fácil, já fiz inúmeras vezes e sempre dá certo. A receita veio deste livro.


4 colheres (sopa) manteiga, amolecida
¾ xícara açúcar
3 colheres (sopa) mel, preferencialmente aromatizado
¼ colher (chá) sal
2 ovos grandes
1 ½ colher (chá) baunilha
3 colheres (sopa) casca de laranja cristalizada
1 ¾ xícara farinha de trigo
1 colher (chá) fermento em pó
2 colheres (chá) alcaravia (kümmel)
½ xícara amêndoas, grosseiramente picadas

Numa tigela misture a manteiga, açúcar, mel e sal. Bata por 3-4 min, ou até ficar um creme claro e fofo. Adicione os ovos, baunilha e misture até combinar. Coloque a laranja cristalizada e misture. Numa outra tigela, misture a farinha, fermento e alcaravia. Adicione à mistura de manteiga, aos poucos, batendo bem após cada adição. Por útlimo misture as amêndoas. Coloque a massa sobre um prato forrado com papel alumínio leve à geladeira por 1 hora. Passado o tempo, despeje a massa sobre uma superfície enfarinhada - pode ser necessário adicionar mais farinha, umas três colheres de sopa, se a massa estiver muito grudenta. Divida a massa ao meio e forme duas toras, com uns 30cm cada. Coloque as toras numa assadeira forrada com papel manteiga, deixando uns 10cm de distância, e leve à geladeira por 30 min, ou até firmar. Enquanto isso pré-aqueça o forno a 180ºC. Coloque a assadeira no forno por 30min, ou até dourar e ficar levemente firme. Retire do forno, abaixe a temperatura do forno para 135ºC - deixe uma colher de pau segurando a porta para o forno ficar entreaberto. Quando as toras estiverem mornas, faça cortes diagonais usando uma faca serrilhada, formando fatias de aproximadamente 1 cm de espessura. Disponha os biscoitos sobre a assadeira e retorne ao forno (ainda nos 135ºC) assando por 20min, vire os biscoitos e asse por mais 20 min. Retire na forma e deixe esfriar sobre uma gradinha antes de guardá-los em pote hermético.
rende cerca de 3 dúzias

quinta-feira, 19 de julho de 2012

muffin de mirtilo - mais um, já perdi a conta


Nem foram tantos muffins de mirtilos que já postei por aqui, só acho que chega um momento que falta criatividade para o título e dá a falsa impressão que todos são iguais. Este achei no site da Martha Stewart como "muffins saudáveis", mas eu tenho as minhas cismas com esse rótulo de saudável (quem tem saúde são as pessoas, não a comida). Parece que escrever saudável é um bom chamariz para a clientela, lembrei que tempos atrás estava numa loja procurando uma tábua pequena de madeira para picar temperos, avistei uma, quando cheguei perto era um descanso de panela e na embalagem, bem chamativo, estava escrito: saudável. Pensei, deve ser saudável, mesmo, madeira tem muitas fibras, mas niguém vai querer comer o descanso de panela, então, por quê?
Bom, a receita me chamou a atenção pela combinação de cereais integrais e principalmente pelo uso do gérmen de trigo - comprei há pouco tempo, gostei e estou aprendendo onde usá-lo. Ficam saborosos e dá muita sustância!

¾ xícara farinha de trigo branca
¾ xícara farinha de trigo integral
½ xícara gérmen de trigo tostado
 xícara açúcar mascavo
2 colheres (chá) fermento em pó
¼ colher (chá) sal
¾ xícara leite (usei semi-desnatado)
2 ovos, ligeiramente batidos
2 colheres (chá) baunilha
1 ½ xícara blueberry
açúcar demerara, para salpicar o topo (opcional)

Pré aqueça o forno a 180ºC. Numa tigela grande misture as farinhas de trigo, o gérmen, açúcar mascavo, fermento e sal. Depois de misturar bem, faça uma cavidade no centro e adicione o leite, ovos e baunilha. Misture somente para incorporar. Por fim, acrescente os mirtilos, misture e distribua a massa entre forminhas de muffin. Se preferir, salpique um pouco de açúcar demerara por cima da massa (ou faça uma mistura com 1 colher de sopa de açúcar mascavo e gérmen de trigo, cada e mais ¼ xícara de aveia e cubra a massa). Leve ao forno por 20-22min, ou até um palito sair seco.
rende: 12 muffins, fiz meia receita acima e consegui 7.

segunda-feira, 16 de julho de 2012

sopa de cogumelos


Super gosto de comprar umas coisinhas difíceis de achar por aí lá no Santa Luzia - cranberry seca e cogumelo fresco (e barato) são meus itens preferidos. Outra coisa que gosto de lá, e não menos divertida, é observar a fauna e flora próprias do lugar, madames com bolsas grifadas pajeadas por um séquito de empregados, uma pequena amostra da nossa elite breguinha - minha primeira impressão na minha primeira visita foi "isso aqui é um zoológico de rico", deve ser porque fui durante a semana; aos sábados o público é outro, nossa "gente diferenciada" é predominante. Ainda acho que a antropologia nos deve uma etnografia da elite, mas isso são apenas devaneios da minha visão classe média das coisas, deturpada por alguns anos de estudo.
Peguei algumas bandejinhas de cogumelo com o intuito de fazer essa sopa, perfeita para o inverno: quente, forte e nutritiva - é daquelas sopas que a gente não sente vontade de repetir e passa um bom tempo sem fome. Receita adaptada desse livrinho.

3 colheres (sopa) manteiga
1 cebola grande, picada
1 dente de alho
¼ colher (chá) noz-moscada
400g cogumelos (misturei o paris e porto-belo)
3 xícaras caldo de frango
¼ xícara vinho branco seco
½ xícara creme de leite
sal e pimenta-do-reino
60g cogumelos, fatiados
½ colher (sopa) manteiga
sal e pimenta-do-reino


Numa panela grande derreta a manteiga, adicione a cebola picadinha, deixe fritar em fogo baixo, até a cebola ficar macia, em seguida adicione o alho picadinho e a noz-moscada moída na hora. Adicione os cogumelos picados em pedaços de 2cm, mexa bem e em fogo baixo deixe cozinhar por uns 5min, o cogumelo soltará água que em seguida será evaporada, assim que isto acontecer, adicione o caldo de frango, tampe a panela e deixe cozinhar por uns 20min, ou até o cogumelo ficar bem macio. Passe a mistura pelo liquificador, volte para a panela, adicione o vinho, creme de leite, sal e pimenta e deixe em fogo baixo até a mistura aquecer. Sirva com os cogumelos sautée. Para preparar, derreta a manteiga numa panelinha, adicione os cogumelos fatiados, tempere com sal e pimenta, deixe cozinhar com a panela tampada até o cogumelo ficar macio. Sirva sobre a sopa.
Rende: 3 porções.

quinta-feira, 12 de julho de 2012

gelato de chocolate







Dias atrás cismei que queria sorvete de chocolate e o jeito era ir ao mercado comprar creme de leite. Chegando lá não tinha, andando pelo corredor da geladeira - vai que mudaram de lugar - achei leite tipo A e logo me lembrei de uma receita que marquei tempos atrás no Bittersweet, queria fazer ainda no verão e só saiu agora no inverno. Mas valeu a espera, gostei muito do resultado, muito macio e cremoso, não sei se foi "culpa" do leite A - nunca havia usado - o gelato ficou muito cremoso e ao mesmo tempo não parecia nem um pouco gorduroso. Receita mais que aprovada ;)

3 xícaras leite integral
⅔ xícara açúcar
¾ xícara cacau em pó
1 ½ colher (sopa) amido de milho


Numa panela coloque 2 xícaras de leite e aqueça. Enquanto isso misture a xícara restante de leite, açúcar, cacau e amido de milho, mexa muito bem. Adicione a mistura ao leite aquecido, assim que este levantar fervura. Mexa constantemente até começar a borbulhar nas bordas da panela. Deixe cozinhar por mais 2 minutos, mexendo de vez em quando. Coloque a mistura numa tigela, cubra e leve à geladeira de um dia para o outro. Coloque a mistura na sorveteira e proceda conforme instruções do fabricante.

quinta-feira, 5 de julho de 2012

pão de centeio com coco e cardamomo


Assim que tirei este pão do forno pensei em não postá-lo aqui. De longe é o pão mais feio que fiz recentemente, escolhi mal a forma, ele não cresceu tudo o que poderia crescer. Enfim, não fiquei satisfeita. Mas assim que provei a primeira fatia, quentinha, com manteiga salgada, minha boca virou uma festa, igual da Marge Simpson. Em cada mordida você encontra um (ou mais) dos sabores que compõem o pão: cardamomo, erva-doce, raspa de limão... achei que não seria justo compartilhar. Fiz algumas modificações na receita.

200ml leite de coco
¼ xícara melado de cana
30g manteiga, picada
2 colheres (chá) fermento biológico seco
¾ xícara farinha de trigo branca
¾ xícara farinha de trigo integral
1 xícara farinha de centeio
½ colher (chá) sal
1 colher (chá) cardamomo em pó
¾ colher (chá) erva-doce
½ colher (sopa) raspas de limão

Aqueça o leite de coco, melado, manteiga até esta última derreter. Espere amornar e salpique o fermento por cima, deixe descansar por 5min, ou até espumar. Misture os demais ingredientes, adicione à mistura líquida e sove por 10-15min. Coloque numa tigela untada, cubra e deixe num lugar morno e sem corrente de ar por 1h30, ou até dobrar de volume. Retire o ar da massa, dê o formato desejado (eu coloquei numa forma de bolo inglês de 23cm e não foi uma decisão muito sábia, faria somente uma bola), cubra e deixe fermentar por mas 45-60min. Enquanto isso pré-aqueça o forno a 180ºC. Faça cortes na massa usando uma faca afiada, se preferir pincele com manteiga e leve ao forno por 20min, ou até se ouvir um som oco quando batido com os dedos embaixo do pão - para isso, retire o pão da forma.

segunda-feira, 2 de julho de 2012

muffins de laranja e cranberries


Estava sentindo falta de ter muffins no café-da-manhã, e pra variar dei um jeito de dar baixa no estoque daqui de casa, porque pra mim são duas alegrias: comprar comida e vê-la indo embora sem desperdício. A receita aqui mudei pouquinha coisa, troquei açúcar refinado por demerara e achei que ficou muito doce - como sempre, gosto pessoal. Adicionei um pouco de cardamomo em pó - fiquei na dúvida entre cardamomo e gengibre, depois fiquei curiosa para saber como ficaria com gengibre. A receita adaptei daqui.

2 xícaras farinha de trigo
1 xícara açúcar demerara
1 ½ colher (chá) fermento em pó
½ colher (chá) bicarbonato de sódio
½ colher (chá) cardamomo em pó
raspas de 1 laranja
¾ xícara suco de laranja fresco
¼ xícara óleo vegetal
1 ovo grande
1 xícara cranberry seca, picada
lascas de amêndoa (super opcional)

Pré-aqueça o forno a 200ºC. Numa tigela grande coloque a farinha, açúcar, fermento, bicarbonato, cardamomo e raspa de laranja. Misture bem. Noutra tigela coloque o suco de laranja, óleo, ovo ligeiramente batido e misture bem. Coloque a mistura líquida na tigela dos sólidos, mexa somente para incorporar os ingredientes e adicione as cranberries secas, misture. Distribua a massa entre as forminhas, espalhe um pouco de amêndoas lascadas, se usar e leve ao forno por 20min, ou até um palito sair seco.
rendimento: 12 muffins.