quinta-feira, 2 de fevereiro de 2012

panna cotta de mel e baunilha


Você já quis morar num programa de TV? Sei que a pergunta é estranha e eu só pensei nisso depois de ver a Cozinha da Annabel (passa no GNT) quando ela serve seus jantares no fim de tarde com produtos colhidos na sua horta com uma paisagem de tirar o fôlego. Sem falar da cozinha linda e bem equipada com ares de casa no sítio que eu cobiço, enquanto fico na minha minúscula cozinha que nem janela tem... snif!
Mas enquanto a Annabel conseguia mel fresco comprado num apiário local, eu usei o mel industrializado - por mais que esteja escrito orgânico no rótulo, não acredito que seja puro - e fiz esta panna cotta deliciosa, macia e pouco doce. Na receita foi usado buttermilk, preferi trocar por iogurte e nem percebi diferença. Usei como cobertura uma compota de mirtilos feita com um pouco de água e açúcar e cozidos até ficar grudento, já a Annabel usou pêssegos picados com polpa de maracujá adoçados com um tiquinho de mel - a versão dela deve ter ficado bem melhor.

4 colheres (chá) gelatina em pó sem sabor
4 colheres (sopa) água
½ xícara mel
½ xícara açúcar
1 fava de baunilha
2 xícaras creme de leite
2 xícaras iogurte


Numa tigelinha misture a gelatina com a água e reserve. Numa panela coloque o mel, açúcar, fava de baunilha (corte-a no sentido do comprimento e raspe as sementinhas com uma faca) e 1 xícara de creme de leite. Leve para ferver e então adicione a gelatina hidratada e mexa até dissolver completamente. Adicione o iogurte e o creme de leite restante, misture bem. Coloque em tigelinhas, cubra e leve à geladeira.
Fiz meia receita e rendeu 3 porções generosas.